Comunicado da Mantenedora da ULBRA

A CELSP, mantenedora da Universidade Luterana do Brasil (ULBRA), recentemente formulou um conjunto de alterações nos seus estatutos para adequá-los à sua nova condição de entidade voltada exclusivamente à promoção da educação, da cultura e da ação social, desvinculada da entidade religiosa que lhe deu origem. As mudanças aprovadas têm o objetivo de modernizar a gestão corporativa e melhor prepará-la para o enfrentamento dos seus grandes desafios.

Entre as mudanças, se destacam:

Nova estrutura de governança: a entidade mantenedora instituiu um novo modelo de governança que redistribui as responsabilidades da gestão entre várias instâncias decisórias (Assembleia de Sócios, Diretoria, Conselho de Administração e Diretoria Executiva), integradas por membros internos e externos. Como decorrência, as unidades mantidas passarão a relacionar-se diretamente com a Diretoria Executiva da mantenedora a quem se subordinam.

Mudança de nome: uma vez que o nome Comunidade Evangélica Luterana São Paulo (CELSP) remete à comunidade religiosa que lhe deu origem e, dado que essa comunidade já não integra a mantenedora, resolveu adotar uma nova denominação. A mantenedora das obras educacionais passará a chamar-se de ASSOCIAÇÃO EDUCACIONAL LUTERANA DO BRASIL (AELBRA).

À medida que os órgãos da nova governança forem sendo constituídos e operacionalizados a mantenedora emitirá os devidos comunicados.

As mudanças introduzidas não alteram o caráter confessional, filantrópico e sem fins lucrativos da mantenedora e suas mantidas.

Adilson Ratund

Presidente da AELBRA

No dia 16.04, foi realizado o primeiro anúncio de mudança na mantenedora da ULBRA. Adilson Ratund assinou o comunicado ainda como presidente da CELSP. Confira na nota divulgada, acessando:
http://migre.me/j0F6t